Quem me acompanha pelo snapchat deve ter visto a minha mais nova paixão (ou seria obsessão?) em forma de seriado, conhecido como: Hart Of Dixie. Comecei a assistir na semana passada e já estou na última temporada, cortando os pulsos e pensando no que fazer quando assistir ao último episódio desse seriado. “Nossa Carol, mas já não basta Grey’s Anatomy, você vai me fazer assistir outro seriado de drama que envolve médicos?” Hmm.. vamos lá.. o seriado envolve médicos, afinal, a principal é uma médica, mas não tem nada a ver com Grey’s, porque é um seriado feliz, lindo, que você termina cada episódio com um sorriso idiota na cara. 

O seriado narra a história de uma nova-iorquina, recém formada em medicina, que acredita já ter tudo planejado para a sua vida.  Seu mundo desmorona quando além de levar um fora do namorado, seu chefe pede para ela se afastar das cirurgias (seu maior sonho) para pode criar uma relação com o seus pacientes, porque ela era muito fria, mal sabia o seus nomes. Depois de tudo dar errado, ela acaba aceitando a proposta de um estranho, o Dr. Harley Wilkes, para trabalhar com ele em sua pequena clínica em Bluebell, Alabama.

Mas agora eu vou falar um pouco sobre os personagens, porque eu não vejo motivo para vocês não assistirem esse seriado.


Primeiramente, vamos conhecer a Zoe Hart, além de ser a melhor pessoa do mundo (porém com diversas atitudes estúpidas), sem dúvidas é uma das personagem mais estilosa dos últimos tempos. Ela consegue transformar qualquer coisa em um drama tão profundo, que faz a sua vida parecer tranquila. Ela descobriu que a sua mãe escondia um grande segredo dela, e ao se mudar para Bluebell, ela consegue finalmente se encontrar – claro que depois de se perder de todas as maneiras possíveis.

 

Wade Kinsella, além de dono do meu coração, e do Rammer Jammer, é o vizinho da Zoe Hart, e completamente oposto de tudo que ela quer, afinal ele é um babaca, com tendencias infantis, péssimos jeito com as mulheres, odeia compromisso, e por ai vai… Ele vai se transformando durante todo o seriado e é a coisa mais linda ver isso de “perto”. Sério, ele é a melhor pessoa do mundo.


George Tucker, confesso que no primeiro episódio eu já tinha vários planos pra ele, mas depois fui ficando tão confusa, igual é toda a história dele. Você definitivamente não consegue decifrar com quem ele vai ficar (sério, faltam sete episódios e eu ainda estou em dúvida). Mas ele além de lindo, ser um ótimo cantor, advogado, está sempre ao lado de Bluebell e ajuda todos sem pensar duas vezes. É literalmente, o nosso menino de ouro.


Lemon Breeland, ela não chega a ser vilã, ok que ela passa a impressão de ser aquelas patricinhas insuportável que “consegue tudo o que quer”. Mas a história dela vai muito além disso, e você não consegue não torcer por um final feliz para ela, e nem rir de TODAS as coisas erradas que ela consegue fazer, inclusive, ser presa.


Lavon Hayes, o prefeito, melhor-amigo, ex-jogador mais fofo do seriado. Ele guarda uma paixão secreta por Lemon – o que desenrola MUITA confusão durante todo o seriado. É o tipo de cara que tem um jacaré como animal de estimação, e o melhor amigo de Zoe Hart e Wade Kinsella.

Dá uma olhada na promo do seriado, e já procure sites para baixar ou ver online, você não vai se arrepender!


Enfim, faltam sete episódios para eu terminar a série, mas ela já é uma das minhas favoritas, de todos os tempos. Indico ela pra todo mundo que gosta de romance e de uma comédia leve. Mas já aviso: esse seriado causa dependência. Você não consegue fazer mais nada, porque a sua cabeça fica completamente presa na história. Mas é um risco que vale a pena. Vale muito a pena. Dou 5 estrelas, mas se pudesse, dava mil.
Mas agora quero saber de vocês: já viram esse seriado? conhecem outros seriados que possam me ajudar a sobreviver na depressão quer será a minha vida pós hart of dixie? 

Anúncios