Calma! Pra quem me conhece, não, não estou grávida novamente! Mas tomei vergonha na cara e resolvi escrever sobre esse momento aqui no blog, porque muitas pessoas me perguntaram como foi, como eu descobri, como eu contei para o Fernando, porque todos nos julgam ‘tão criativos’ que mal sabem que eu contei pra ele na porta do banheiro do nosso trabalho. Vem dar uma olhada na história toda!

Um fim de semana antes de eu descobrir, nós estávamos comendo pizza com alguns amigos e uma amiga – que estava grávida – falou que havia sonhado que alguém estava grávida, o Fernando deu risada e falou pra mim “acho que é você”. Mas até ai, era uma zuera, porque não tinha como eu estar grávida. Foi então que na segunda-feira, deveria descer pra mim (segundo meu aplicativo CLUE), mas eu nunca fui regulada… sempre atrasava um ou dois dias… mas, novamente o Fernando falou “ihh vc ta grávida” ai eu, pra zuar com a cara dele falei “então vamos comprar um teste no almoço” e lá fomos nós… na farmácia mais próxima do nosso trabalho comprar um teste… fui no banheiro e plau.. dois pauzinhos. Travei… chamei o Fernando, que na verdade estava na porta do banheiro e mostrei o potinho de xixi com uma fita dentro e falei, meio sem reação “tem dois pauzinhos” e ele “não tem só tem um” e eu quase taquei na cara dele, ai ele enxergou os dois. Ficamos ambos olhando com cara de “ta.. e agora?” ai eu fui pesquisar sobre o teste, e vi que várias pessoas falaram que o teste iludia mulheres, que dava falso positivo, etc… Fiquei mais calma, afinal, eu não estava grávida… Mas claro que tava com aquilo na cabeça, né? Afinal, deu dois pauzinhos.

Ai na terça-feira, decidimos que íamos comprar mais um teste. O ClearBlue que era mais ou menos metade do meu salário (zuera, mas foi uns R$60) e fomos fazer o teste novamente. Mas ele já informava que além de falar se eu estava grávida ou não, informaria de quantas semanas eu estaria. Mas a gente sabia que ia dar “Não Grávida”, na verdade a gente não sabia, mas era o que a gente achava que queria… Foi ai que tá.. apareceu o “Grávida”, já chamei o Fernando.. a aposta agora era de quantas semanas… e nem deu um minuto, apareceu “3+”. MANO DO CÉU. A ficha ainda não tava caindo (confesso que até hoje não caiu direito). O Fernando falou que era melhor eu fazer o exame de sangue, e eu fiz uma saída correndo e fiz o BETA HCG. No dia seguinte, dia 13 de Julho, saiu o resultado. Eu estava oficialmente grávida.

Processed with VSCO with  preset


Na sexta-feira eu consegui marcar uma consulta no médico e eu fui sozinha. Ah! para melhorar, eu não tenho convênio.. minha única certeza era: eu queria cesária. Acho lindo de verdade quem quer parto normal, humanizado, etc… mas isso não é pra mim. Não tinha e não tenho a mínima curiosidade de sentir a dor de parir. Então, já cheguei falando com a médica… Minha primeira consulta foi com a Dr. Enidia, a mesma médica que fez o pré natal da minha mãe e o meu parto. Ela me passou uma lista de exames para fazer e eu expliquei que como não tinha convênio iria tentar fazer os exames pelo SUS, porém que iria pagar o parto, porque eu queria cesária.

Como eu não tinha contado de maneira fofa para o Fernando (afinal eu não estava grávida) eu queria fazer algo fofo para contar para os meus pais.. e para as pessoas mais próximas também.. então decidimos fazer uma caixinha para eles. Para os nossos pais, fizemos uma caixinha com: um par de meia (só achamos azul) + uma chupeta + uma cópia do meu exame de sangue + uma cartinha  + a nossa foto + um pedido de Não Spoiler:

caixa-pais

Para o irmão do Fernando, pegamos a caixinha do Sapo de Chocolate do Harry Potter e fizemos a seguinte brincadeira – porque estávamos vendo de ir para a Disney no Halloween:

Ai, eu resolvi fazer uma caixinha para contar para algumas pessoas – mas sempre filmando a reação de todas elas, o resultado foi esse aqui – que eu compartilhei quando completei 3 meses:

Se alguém quiser o modelo da caixinha, vou deixar aqui – eu imprimi a caixa em papel canson e a cartinha em sulfite mesmo. Caso você utilize, me marque no Instagram com a hashtag #BeOurGuest13 ♥ vou adorar fazer parte desse momento de vocês 😀

caixa-surpresa
Caixa (imprimir no canson)
carta-surpresa
Carta (imprimir no sulfite)
Ao salvar este material, você concorda que é expressamente proibida sua reprodução
com intuito lucrativo, seja de forma parcial ou total; conforme lei 9.610/98.

Ta, mas o que era Gergelim?

No dia que a gente descobriu, fizemos umas pesquisas e em um site estava falando que o meu bebê estava do tamanho de um gergelim. Como não sabíamos o sexo nem nada, começamos a chamar de Gergelim e pegou. 

Anúncios