Busca

Manual de Sobrevivência

Categoria

crônica

A história por trás de Jack e Sally

Bom, um dos meus filmes queridinhos da Disney, sem dúvidas é “O Estranho Mundo de Jack“. E por eu ser um tanto quanto curiosa, sempre quis saber um pouco mais sobre o casal principal da história, Jack e Sally… e porque eles sempre eram citados em algumas músicas… Por isso, acabei fazendo algumas milhares de pesquisas e achei algumas lentas e teorias um tanto quanto tristes. Mas vou compartilhar tudo com vocês e vamos tentar chegar em uma conclusão final.

Continuar lendo “A história por trás de Jack e Sally”

Anúncios

Como se descobrir Divergente

Escrevi esse texto no fim do ano retrasado, estava organizando umas pastas e achei ele perdido no meio de tantos outros, mas acho que esse vale a pena a leitura. Quando eu gostava de uma pessoa, eu aguentava todas as mancadas o quanto eu podia, até surtar. E quando eu surto, eu acabo escrevendo absolutamente tudo o que eu penso. Infelizmente, sempre que eu escrevo, a pessoa some, mas tudo bem, digamos que estava na hora dessa sumir, então…

Continuar lendo “Como se descobrir Divergente”

Modernidade Líquida & O Código Cultural

Fugi um pouco da Disney pra ver se consigo fazer o blog voltar ao normal. Nesse meio tempo eu comecei a fazer pós-graduação em Marketing e Estratégia Digital. O meu professor de Marketing 3.0, pediu para gente ler alguns dos trechos dos livros Modernidade Líquida (que é um tanto quanto complexo e assustador por ser tão real) e O Código Cultural (que é bem mais tranquilo e todo mundo que gosta de comunicação deveria ler). Vem dar uma olhada na minha resenha sobre esse assunto atual e um tanto quanto polêmico.

Continuar lendo “Modernidade Líquida & O Código Cultural”

Tudo que você precisava fazer era ficar

Você sabe que tudo poderia ser muito mais fácil né? Eu simplesmente falei tudo, fui super clara e direta com você, porque tive medo de fantasiar demais as coisas e te deixar confuso. Tudo que você precisava fazer era ficar. Eu não fazia ideia na hora que eu poderia estar dando início a toda essa confusão.

Continuar lendo “Tudo que você precisava fazer era ficar”

Quinze

De repente eu estou de volta. De volta àquela quadra, de volta àquela festa surpresa (onde a surpresa foi não conhecer ninguém), de volta aquela cena clichê de filme da Disney que você não deve nem fazer ideia de como aquilo mexeu comigo, mas mesmo assim você fez. Eu me lembro de como tudo era antes, como se fosse uma coisa típica de cidade pequena ou novela mexicana: a garota simples se apaixona pelo garoto popular que jogava futebol, porém a “melhor amiga” dele – que também acaba se apaixonando por ele – faz de tudo para estragar o namoro dos dois até que consegue. Como fugir de uma história clichê com todas essas carateristas?

Continuar lendo “Quinze”

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑